2013 Distinção no Ano Europeu dos Cidadãos

PRÉMIO MANUEL ANTÓNIO DA MOTA
DISTINGUE FUNDAÇÃO ADFP – ASSISTÊNCIA, DESENVOLVIMENTO
E FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Cerimónia contou com presença do antigo Presidente da República, Ramalho Eanes

13 de Dezembro de 2015 - O Prémio Manuel António da Mota, no valor de €50.000, foi entregue à Fundação ADFP – Assistência, Desenvolvimento e Formação Profissional, numa cerimónia que contou com a presença do antigo Presidente da República, Ramalho Eanes, e do Chairman
da Mota-Engil, António Mota.
A Fundação ADFP – Assistência, Desenvolvimento e Formação Profissional mereceu a preferência do júri do prémio Manuel António da Mota, pelo seu projeto “Mentes Brilhantes” que visa despertar nos alunos dos extractos mais desfavorecidos o gosto pela aprendizagem e pelo conhecimento, incrementando a sua cultura científica de modo a potenciar o talento dos estudantes através de um conjunto de atividades lúdico-pedagógicas, complementando o papel da escola em áreas do saber que não são tão exploradas. A Fundação, instituição particular de solidariedade social sediada em Miranda do Corvo, apoia um número muito vasto de pessoas nas áreas da infância, deficiência, doença mental, idosos, saúde e formação profissional, dispondo ainda de uma importante atividade cultural e desportiva, para além do Parque Biológico da Serra da Lousã.
Rui Pedroto, Presidente da Comissão Executiva da Fundação Manuel António da Mota, afirma:
“ Pelo sexto ano consecutivo estamos muito satisfeitos com os resultados alcançados pelo Prémio Manuel António da Mota, excedendo as nossas melhores expetativas. Num ano em que o Prémio foi dedicado ao tema da inovação social, quisemos enaltecer as instituições que se notabilizam na apresentação de iniciativas inovadoras de elevado impacto social e que visam dar resposta a questões sociais da maior atualidade e premência, designadamente as relacionadas com a educação, emprego e combate à pobreza e exclusão social, e que constituem importantes desafios com que Portugal se confronta nos anos vindouros”.

Na sua sexta edição, o Prémio Manuel António da Mota pretendeu enaltecer os esforços desenvolvidos pelas organizações que se distinguem pelo carácter inovador dos seus projectos na resposta aos problemas sociais do país, mormente nas áreas da educação, emprego e luta contra a pobreza e exclusão social.

A par da Fundação ADFP - Assistência, Desenvolvimento e Formação Profissional, vencedora do Prémio, foram ainda premiadas nove instituições nacionais: Associação Conversa Amiga , Associação Fazer Avançar, Câmara Municipal de Torres Vedras, CENSO, FISOOT – Formação, Integração Social e Ofertas de Oportunidades de Trabalho, Just a Change, LEQUE – Associação de Pais e Amigos de Pessoas com Necessidades Especiais, Re-Food 4 Good Associação, Serviços de Ação Social da Universidade de Coimbra.

A cerimónia de entrega do Prémio Manuel António Mota contou com as participações de Filipe Simões dos Santos, Presidente da Portugal Inovação Social, de Manuela Ramalho Eanes, Presidente do Conselho de Curadores da Fundação Manuel António da Mota, do Presidente do Conselho de Administração da Mota-Engil SGPS, António Mota, e do ex-Presidente da República, Ramalho Eanes, que encerrou o evento.
A iniciativa foi ainda marcada por um momento musical a cargo da OpÁ!
Orquestra Percussiva de Águeda.